O azeite português está incontestavelmente entre os melhores do mundo, a colecionar prestigiados prémios internacionais ano após ano.

Resultante da sabedoria ancestral dos povos da orla do Mediterrâneo, muito antes do nascimento de Cristo, aqui se reúnem desde sempre as condições ideais para o cultivo da oliveira e para a posterior produção daquele fino ouro líquido, a que os árabes apelidaram de az-zait, uma designação para o que seria o “sumo de azeitona”. A região do Mediterrâneo – onde Portugal se insere a par da Grécia, Espanha, Itália e sul da França – é, aliás, a zona onde atualmente se gera mais de 90% da produção mundial de azeite, pelas suas características únicas, capazes de conferir ao produto final – o azeite – a acidez e o sabor perfeitos, não replicáveis em nenhum outro lugar do mundo.

É por isso que a dieta mediterrânica tem no azeite a sua base, amplamente comprovada que é a sua contribuição para a saúde e bem-estar, além de adicionar à comida um sabor e aroma absolutamente extraordinários.

E para quem, num dia-a-dia agitado e cansativo, sonha em chegar a casa e ter o jantar pronto, demorando menos a cozinhar do que a saborear uma refeição, as conservas são sempre a melhor opção. Por ser um conservante natural, o azeite evita a deterioração ao isolar o peixe do ar exterior, fornecendo uma vedação à oxidação e mantendo as conservas em ótimas condições por um período muito longo; quase todas as conservas da Comur têm validade de 5 anos, sendo ainda mais saborosas quanto mais «velhas» vão ficando.

E, por isso, a exponenciar e a apurar as características e o sabor do melhor peixe, só mesmo a seleção do melhor azeite, a deixar na boca a frescura e o sabor do mar elevados pelos aromas do campo, num puro azeite de textura fina. Não poderia ser outro o critério, para a Comur.

Ainda que tão premiado, este tesouro sagrado orgulhosamente Português tem esse encanto de estar ainda meio adormecido na sua humildade, sem real noção do imenso valor que tem. Diz quem sabe que é justamente por crescermos com ele, a repetir-se indefinidamente no nosso receituário tradicional, que acabamos por não o valorizar como merece.

Para a Comur, o azeite é o verdadeiro ouro verde com que brindamos as nossas conservas, a levar o melhor de Portugal ao mundo.

Share on facebook
Share on linkedin

Produtos Relacionados

Receitas Relacionadas